06 outubro 2011

Casamento, o inicio de uma vida a dois, não o fim

"Enxergar o casamento como meta final daqueles que dizem se amar não é muito lúcido."

Texto brilhante (e que eu concordo plenamente, ate porque sempre tenho dito um pouco isso em meus videos sobre relacionamentos) do Psicoterapeuta-Psicologo clinico Samuel Franco, sobre a questão do casamento ser na realidade, o inicio de uma vida a dois, e não o fim, como muitos parecem não pensar, mas agem na pratica como se assim fosse.

Durante a minha experiência clinica, foi interessante constatar que a grande maioria das pessoas que diziam ter uma boa relação em seus namoros se deparavam agora, quando casadas, entediadas e com as relações empobrecidas.

Infelizmente, o casamento é vivenciado como o objetivo final pelos amantes. “Não preciso me preocupar em seduzir, dialogar... com o parceiro/a já que ele/a é meu, o objetivo de possuí-lo foi conquistado através do matrimonio” pensamos. Portanto, a sexualidade e a felicidade tanto prometida e sonhada por ambos acaba caindo por água abaixo.

Enxergar o casamento como meta final daqueles que dizem se amar não é muito lúcido. O matrimonio deveria ser compreendido apenas como uma das formas e/ou etapas de uma busca de um convívio mais alegre, saudável...que nos traria mais feição, sentido e significado. Porém não pensamos nisto, pois fomos educados a pensar que o casamento é a conclusão, a prova maior do amor um pelo outro e que o resto acontecerá naturalmente como nas historias infantis: “Casaram e foram felizes para sempre”.

A felicidade, ao contrário daqueles que acreditam em contos de fadas, exige muito empenho de ambos. O grande problema é que só conseguimos aprender quando caímos no tapete da realidade. Porém nunca é tarde para mudar. É evidente que existem muitos matrimônios onde os conjugues conseguem ter uma vida emocional e sexual rica apesar do inevitável cotidiano. Para estes que conseguem devem servir como exemplo e estimulo para nós, pelo menos é isso o que quero para mim.
ATENÇÃO: Os comentários postados no Portal Celebrinando são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Pesquise

Custom Search

Veja também...