27 dezembro 2014

Luana Piovani saiu vencedora na justiça contra o programa “Pânico”

Divulgação/Band
Divulgação/Band
Luana Piovani saiu vencedora na justiça contra o programa “Pânico”, agora da Bandeirantes. A decisão, que veio  28ª vara civil do Rio de Janeiro, é uma liminar que proíbe o humorístico de citar seu nome ou imagem e persegui-la.
Caso isso venha a acontecer, a atriz embolsará multa de R$ 300 mil pelo descumprimento da ordem judicial. Além do programa, Luana também processou  individualmente o diretor, os integrantes Emílio Surita, Rodrigo Scarpa e a TV Bandeirantes.
Tudo isso ocorreu após a loira ter sido abordada pelos humoristas do programa na praia do Leblon, no Rio de Janeiro, em agosto de 2014.
“Não vai ter atorzinho frustrado metido a comediante nenhum, de conta cheia graças à imbecilidade do seu trabalho, que vai tirar onda comigo.”, postou ela na época em seu perfil oficial no Facebook.
Esta não é a primeira vez que Piovani se desentende com o programa. Em 2007, quando o “Pânico” ainda era da RedeTV!, ela ganhou R$ 150 mil em uma ação contra o programa.
ATENÇÃO: Os comentários postados no Portal Celebrinando são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Pesquise

Custom Search

Veja também...